Rua Santa Cruz, 1038 - Centro - Piracicaba/SP
  • (19) 3301-7306

Mais do que prestação de serviços...

Uma parceria!

Regulamentação das apostas esportivas impulsiona em 37% contratações de profissionais

Entre os cargos em alta no mercado de apostas esportivas estão o de finanças, marketing e compliance.

A regulamentação do mercado de apostas esportivas, anunciada em dezembro passado, promoveu uma verdadeira corrida das empresas em busca de profissionais para trabalharem nesse novo nicho de mercado.

O resultado é que apenas nos quatro primeiros meses deste ano as contratações cresceram 37% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo a Michael Page, consultoria especializada no recrutamento executivo de média e alta gerência.

“Com o anúncio das regras para as bets atuarem no Brasil, houve uma segurança jurídica. Isto trouxe confiança para que as empresas pudessem começar a estruturar suas operações por aqui”, explica o gerente executivo da Michael Page, Lucas Papa.

Segundo ele, as empresas estão preocupadas em buscar executivos com perfil de liderança e de comando de operação em estágio inicial. Posições de finanças, marketing e de compliance são as mais demandadas neste momento.

Confira a relação dos cargos em alta no mercado de bets:

Chief Marketing Officer (CMO)

Responsável pelo posicionamento da marca por meio de ações de comunicação, campanhas de performance e mídias sociais, gestão de comunidades, conteúdo e influenciadores, estratégia de relações públicas etc. Também costuma ser responsável pela jornada do cliente e pela geração de oportunidades aderentes ao negócio.

Muitas vezes também é responsável pelo desenvolvimento de produtos, sejam eles digitais ou bens de consumo, utilizando informações de inteligência de mercado, análise de dados, além de pesquisas quantitativas e qualitativas. Em alguns casos também pode ser o olhar de inovação dentro da empresa. Desempenha o papel de consolidar e fortalecer a mensagem de marca.

Os candidatos devem possuir habilidades nas diferentes modalidades do Marketing (branding, growth, social e influencer management) aliados à experiência internacional. 

Salário: R$ 30 mil a R$45 mil

Diretor Jurídico/Compliance

No contexto do mercado de Bet esse profissional tem o papel de capitanear as discussões de regularização do mercado com alta interação com o governo e agendas em Brasília. A posição de gerente jurídico geralmente requer uma compreensão abrangente das operações da empresa, habilidades de comunicação eficazes e a capacidade de equilibrar as necessidades legais com os objetivos comerciais.

Além disso, o profissional desempenha um papel crucial na proteção dos interesses legais da empresa e na promoção de uma cultura de conformidade. Entre as mais diversas tarefas, destacamos: a gestão de contratos (elaborar, revisar e negociar contratos), garantindo que estejam alinhados com os objetivos estratégicos da empresa; o desenvolvimento de políticas internas para padronizar processos de revisão e aprovação de contratos; assessoria em questões relacionadas à estrutura societária da empresa, incluindo reorganizações e outras transações societárias;  identificação e avaliação dos riscos legais associados às atividades da empresa e implementação de estratégias para mitigação dos mesmos; aconselhamento à alta administração sobre implicações legais de decisões estratégicas;  seleção, contratação e gerenciamento de escritórios de advocacia externos, quando necessário; gerenciamento e resolução de disputas legais, incluindo litígios, arbitragens e negociações com terceiros (interna ou com apoio de terceiros).

Formação em Direito e pós-graduação em área relevante, experiência mínima de 8 anos em escritório ou empresa.

Salário: R$20 mil a R$ 30 mil

CFO

Esta é uma posição que normalmente se reporta ao CEO e é responsável pelo planejamento e execução econômica e pelo gerenciamento de informações financeiras.

Além de CFO, é comumente chamado de Diretor de Finanças ou VP de Finanças. Reportam para essa posição os Controllers, Gerentes de Tesouraria, Gerentes de Auditoria e Gerentes de Administração.

Requer a capacidade de coordenar a preparação das Demonstrações contábeis e financeiras, prestando especial atenção aos ajustes às Normas Internacionais de Informação Financeira (IFRS) , e de supervisionar o controle gerencial, incluindo a definição de procedimentos e o planejamento dos processos orçamentários. Ela também é responsável pela gestão das variáveis financeiras (Tesouraria, Gestão de Crédito e Cobranças) e pela otimização da política fiscal corporativa.

Para poder elaborar as políticas de desenvolvimento da empresa, um CFO deve ser capaz de gerar e analisar relatórios de investimento e viabilidade do projeto, assim como realizar o planejamento estratégico.

Salário: a partir de R$ 30 mil

Com informações da Michael Page